+55 042 3226 1144
atendimento@copiosaredencao.org.br

Blog

9 motivos para você acreditar na oração para acalmar

Diversas são as situações da vida que roubam nossa paz, e nesses momentos nada melhor do que uma oração para acalmar.

Sim, a oração tem esse poder! Quer saber por quê?

Deus nos ama de maneira incondicional e infinita, seja qual for a situação em que nos encontramos. Sendo assim, esse amor faz com que esteja sempre à espera de um gesto nosso em direção a Ele.

Portanto,  é na oração que nos aproximamos de Deus, que nos encontramos intimamente com Ele. Afinal,  é neste momento que podemos abrir nosso coração sem reservas, deixando que o Senhor nos preencha com Seu amor.

É por meio da oração que entregamos a Ele tudo que temos e somos. Nossos sentimentos, sonhos, projetos, nossas vitórias e derrotas, nosso passado, presente e futuro, tudo pertence a Ele.

Mas não apenas isso! Hoje te apresentamos 9 motivos para você acreditar na importância da oração para acalmar. Abra seu coração e deixe-se inspirar!

A misericórdia de Deus é eterna (Lc 15,4-7)

A palavra misericórdia vem do latim miseratio (compaixão) e cordis (coração). Desta forma, pode ser compreendida literalmente como “coração compadecido”. Ou seja, Deus se compadece de nós, pecadores, e está sempre pronto a nos perdoar. Só é necessário que nos aproximemos Dele e peçamos o Seu perdão, com contrição.

Quantas vezes nos vemos aflitos porque erramos conosco mesmo, com Deus e com os que nos rodeiam? Mas, essa aflição pode facilmente ser suavizada quando recorremos à oração para nos acalmar.

E, saiba, você não precisa se envergonhar diante de Deus devido aos seus erros e pecados. Afinal, Ele nos conhece por inteiro, muito mais do que nós mesmos nos conhecemos.

O salmista assim expressou nas Sagradas Escrituras: 

“Senhor, vós me perscrutais e me conheceis, sabeis tudo de mim, quando me sento ou me levanto. De longe penetrais meus pensamentos. Quando ando e quando repouso, vós me vedes, observais todos os meus passos. A palavra ainda me não chegou à língua, e já, Senhor, a conheceis toda” (Sl 138,1-4).

Ele é nosso pastor e guia (Salmo 22)

Muitas vezes a dúvida nos corrói porque não sabemos qual o melhor caminho a seguir. Nesses momentos, podemos nos aproximar do Senhor como o Bom Pastor que conduz suas ovelhas em busca da melhor pastagem.

Portanto, devemos buscar na oração o discernimento do que fazer e de saber esperar pelo tempo de Deus. Como diz o escritor bíblico, “para tudo há um tempo, para cada coisa há um momento debaixo dos céus” (Ecle 3,1).

Nossa proteção é o Senhor (Salmo 90)

É comum nos sentirmos fracos e vulneráveis diante de determinadas situações da vida. Mas, lembre-se, o Senhor é a nossa proteção, por isso você pode recorrer a Ele em oração para se acalmar.

Deus é o criador de tudo e nada o intimida. Portanto, quando você permite que Deus transforme sua vida, o inimigo não pode te derrubar. Deus não vai permitir isso.

Você pode passar por dificuldades, mas Deus é o teu sustento, em todos os momentos. “Ele te cobrirá com suas plumas, sob suas asas encontrarás refúgio. Sua fidelidade te será um escudo de proteção” (Sl 90,4).

Ele cuida de nossas preocupações (1Pe 5,6-7)

Deus é nosso Pai de amor e misericórdia. Como tal, Ele está sempre a cuidar de nós. Por isso, o apóstolo Pedro nos recomenda: “Confiai-lhe todas as vossas preocupações, porque ele tem cuidado de vós” (1Pe 5,7).

Não hesite em entregar suas preocupações nas mãos do Senhor. Faça isso e utilize a oração para acalmar.

Ele cura nossas enfermidades (Mc 10,46-52)

Diferente do que muitos pensam, as doenças físicas, emocionais ou espirituais não nos são infligidas por Deus como um castigo. Afinal, Deus é amor e misericórdia, e quer sempre o nosso melhor.

Por isso, diante de uma enfermidade, sua ou de um ente querido, procure recorrer ao Senhor. Peça forças para superar esse momento ou até mesmo a cura, se for da vontade de Deus.

A Bíblia Sagrada está repleta de episódios em que Jesus cura aqueles que se aproximam Dele com confiança. “Que queres que te faça?”, perguntou Jesus ao cego, que lhe respondeu: “que eu veja!”. Assim, com Seu coração compadecido pela situação daquele homem, Jesus não apenas o curou, como o encoraja: “Vai, a tua fé te salvou” (cf. Mc 10, 46-52).

Nada nos falta se Ele providencia (Lc 12,22-31)

Muitas vezes o medo nos paralisa, pois não sabemos ao certo o que está por vir. Pode ser uma situação de desemprego ou qualquer outra circunstância difícil, daquelas que costumamos dizer: “só um milagre pode resolver”.

De fato, Deus pode realizar o milagre que você tanto necessita.  Deus pode providenciar o que é necessário para a tua vida.

O próprio Jesus nos orientou: 

“não andeis preocupados com a vossa vida, pelo que haveis de comer; nem com o vosso corpo, pelo que haveis de vestir. A vida vale mais do que o sustento e o corpo mais do que as vestes. (…) Vosso Pai bem sabe que precisais de tudo isso. Buscai antes o Reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas vos serão dadas por acréscimo” (Lc 12, 22-23.30-31).

Mais uma vez, recorrer à oração pedindo que Deus providencie o que você necessita é uma maneira de acalmar seu coração. 

Como oleiro, Ele nos forma (Jer 18,1-12)

Pecadores, como somos, ainda que nos esforcemos por viver em conformidade com a Palavra de Deus, facilmente caímos no erro. Nos irritamos com quem deveríamos ter paciência; não nos dedicamos a algo ou a alguém como deveríamos; nos esquecemos de amar o próximo; não respeitamos nosso corpo como templo do Espírito Santo.

Nessas e em outras situações é justamente ao Espírito Santo que devemos recorrer pedindo que Ele nos restaure.

Em oração, devemos nos colocar como um barro nas mãos de Deus – nosso oleiro – para que Ele molde nossa vida e nos ajude a viver seus maiores mandamentos: Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo (cf. Mt 22,37-39).

Nunca estamos sozinhos (Is 43,1-5)

A Bíblia Sagrada confirma que jamais estamos sozinhos! Por inspiração Divina, o profeta Isaías narra: 

Nada temas, pois eu te resgato, eu te chamo pelo nome, és meu. Se tiveres de atravessar a água, estarei contigo. E os rios não te submergirão; se caminhares pelo fogo, não te queimarás, e a chama não te consumirá. Pois eu sou o Senhor, teu Deus, o Santo de Israel, teu salvador. (…) Fica, tranquilo, pois estou contigo” (Is 43,1-3.5).

Por isso, quando o sentimento de abandono e solidão tentar tomar conta do seu interior, repita para si mesmo: “Eu não estou sozinho. Deus está comigo!”. Estas simples palavras, se proclamadas com confiança, são a oração que pode acalmar teu coração.

Nosso abrigo na tribulação (Sl 31)

Quando esperamos no Senhor, somos envolvidos por Sua misericórdia (cf. Sl 31), pois Ele “é nosso amparo e nosso escudo” (Sl 32,20). Por isso, quando se sentir atribulado, procure recorrer à oração para acalmar seu coração.

Nos momentos difíceis estamos mais vulneráveis, mas é também nesses momentos que podemos nos confiar ao Senhor por inteiro e alcançarmos a graça que tanto necessitamos. Tudo depende da nossa confiança!

E para te estimular ainda mais a buscar a oração para acalmar teu interior, te deixamos com as palavras do salmista: 

“O Senhor torna-se refúgio para o oprimido, uma defesa oportuna para os tempos de perigo. Aqueles que conheceram vosso nome confiarão em vós, porque, Senhor, jamais abandonais quem vos procura” (Sl 9,10-11).

Comment(1)

  1. REPLY
    JOSÉ says

    Li todos esses 9 motivos para acreditar na oração . Estou passando por um período difícil , com PRESSÃO ALTA , com 90 anos de idade . A oração é muito importante .
    Agradeço . José .

Post a comment